Noticias

Ciência e Tecnologia

Flávio Dino alerta sobre 6.168 CACs que não realizaram recadastramento de armas e podem sofrer sanções legais

Operação Day After da Polícia Federal resulta na prisão de 49 caçadores, atiradores e colecionadores

Flávio Dino alerta sobre 6.168 CACs que não realizaram recadastramento de armas e podem sofrer sanções legais

Compartilhe:

A Polícia Federal divulgou nesta quinta-feira (4) que a Operação Day After resultou na prisão de 49 CACs (caçadores, atiradores e colecionadores) que haviam recadastrado suas armas e tinham mandados de prisão em aberto.

Em entrevista à imprensa, o ministro da Justiça, Flávio Dino, alertou que 6.168 CACs não realizaram o recadastramento de suas armas e estão em situação de flagrante, podendo ser presos e ter suas armas apreendidas.

A PF deflagrou a Operação Day After para cumprir mandados de prisão preventiva, temporária e definitiva em todo o país. Os alvos são pessoas que não preenchem os requisitos legais de idoneidade para ter registro de CAC.

Um dos requisitos para obter posse ou porte de arma de fogo é a idoneidade. Se a pessoa responde a qualquer procedimento criminal ou civil, como dívida por não pagamento de pensão alimentícia, ela não atende à exigência.